sexta-feira, 21 de dezembro de 2007

Santa Claus "was" comming to town :P



Olha parece que o velhote foi apanhado com um saco cheio de brinquedos e afins! Bem no ambiente duvidoso em que vivemos não me admirava nada se os fosse trocar por um charrito...Ora vejam-no aqui com a mão na massa!

HOHOHO FELIZ NATAL!!!

quarta-feira, 19 de dezembro de 2007

Sacos de Plástico

Ouviu-se uns murmúrios que os sacos de plástico de todos os super e hipermercados vão passar a ser pagos. Com especial atenção à ressalva que foi feita em relação à percentagem desse mesmo pagamento para o nosso estimado Estado.
Ora estando eu como funcionária de um desses estabelecimentos leiam-se alguns comentários de clientes óbvio:
"Acho muito bem, porque a loja também os paga para nos dar."
"Olhe não tem mais sacos, é que precisava para embalar peixe!"
"E não tem sacos grandes, dão sempre jeito."
"Os sacos deviam ser sempre pagos porque isto é uma poluição!"
Lá que os sacos sejam grátis até nem acho mal, no entanto as pessoas abusam e abusam e abusam...Poderiam até continuar assim não fosse aquela veia patriótica digna de um verdadeiro português que nos faz aproveitar tudo o que fique à pala mesmo que não nos faça falta nenhuma...Verdade ou não?!

sexta-feira, 7 de dezembro de 2007

terça-feira, 4 de dezembro de 2007

segunda-feira, 26 de novembro de 2007

sexta-feira, 23 de novembro de 2007

Recordações...

Tinha prometido a mim mesma não abrir mais este assunto junto de estranhos, contudo esta data não poderia passar em branco e sinto que faltava alguma coisa...
Há dois anos atrás exactamente neste dia começou a mais bela história de amor que conheço. Eles estudavam os dois na mesma escola há pelo menos três anos e deconheciam a existência um do outro, talvez porque ele tinha outra relação e porque ela não andava disposta para relações.
Quis o destino que a bateria de um carro os juntasse, sim porque as meninas nada percebem dessas coisas. Logo ali ela percebeu que tinha encontrado um anjo, um homem lindo, como foi possível nunca o ter visto antes.
E mais uma vez o destino os juntou desta feita nos meandros das noites frias da Guarda. A verdade é que desde essa noite nada nem ninguém mais os separou.
Durante cerca de oito meses formaram um casal feliz, cheio de projectos e pensaram até num futuro juntos. A música que ele fazia tornou-se a guardiã desta união, as baladas a ela dedicadas aumentavam um Amor para a eternidade. Amavam-se incondicionalmente, a cumplicidade que os unia era o segredo para ultrapassarem arrufos e a base para uma relação madura e feliz.
Planos traçados e vidas orientadas o casal tinha tudo para conseguir a concretização de sonhos idealizados a dois.
Aproximavam-se as férias de Verão quando o impensável aconteceu, o mundo caiu, a vida atraiçou-os. Ele era bombeiro e o empenho e dedicação tiraram-lhe o que tinha de mais precioso...a vida!
Ela ficou sem rumo, a vida deixou de ter sentido, tudo o que de belo tinha sonhado partiu sem razão lógica, roubaram o seu grande Amor, a tristeza e a solidão invadiu-lhe a alma.
E assim continuou até vários meses...
Mas ele não a iria querer ver assim e com o apoio dos grandes amigos, os meus pais, consegui seguir em frente e hoje cá estou para vos contar a minha história, sei que tenho de viver mas com ele sempre no coração porque amalo-ei para sempre...

...só a ti! Meu Anjo

quarta-feira, 21 de novembro de 2007

quarta-feira, 14 de novembro de 2007

Vocês sabiam que:

a.. É impossível lamber o seu cotovelo;
b.. Os camarões têm o coração alojado na cabeça;
c.. Um estudo, que abrangeu cerca 200 mil avestruzes durante mais de 80 anos, não registou um único caso em que uma avestruz fosse vista a enfiar a cabeça na areia;
d.. Os porcos não são fisicamente capazes de olhar para o céu;
e.. Mais de 50% das pessoas, no mundo inteiro, nunca fizeram nem receberam chamadas telefónicas;
f.. Os ratos e os cavalos não conseguem vomitar;
g.. Se espirrares com muita força podes partir uma costela;
h.. O isqueiro foi inventado antes do fósforo;
i.. Ao longo duma vida, em média, cada pessoa engole durante o sono cerca de 70 insectos e 10 aranhas;
j.. O pó de arroz inclui quase sempre escamas de peixe na sua composição;
k.. Tal como as impressões digitais, a superfície da língua é diferente de pessoa para pessoa;
l.. 85% das pessoas que lêem este texto tentam lamber o cotovelo. :P

segunda-feira, 12 de novembro de 2007

quinta-feira, 8 de novembro de 2007

Então aqui vai a resposta ao desafio "atordoado"

As regras deste desafio dizem o seguinte:
1- Pegue no livro mais próximo, com mais de 161 páginas - implica acaso e não escolha
2- Abra o livro na página 161
3- Na referida página procure a 5ª frase completa
4- Transcreva na íntegra para o seu blogue a frase encontrada
5- Passe o desafio a cinco bloggers

Segui rigorosamente e com afinco todos os passos. A frase, curiosamente, foi retirada de um livro que achei e que tenho tentado ler, aqui vai:
"- Nunca vá para parte nenhuma sem ele - disse Munro, ainda divertido."
Hum de facto isto pode tornar-se uma verdadeira batatita quente eheh

Ah agora é a minha vez: CatWorld; Indubitavelmente; Amnistia das Beiras; Epá cum Catano; O Contrablog desenrasquem-se!!!eheheh

segunda-feira, 5 de novembro de 2007

Trágico

Neste dia nem deveria vir-me à cabeça este género de pensamentos mas não consigo ficar indiferente aos últimos acontecimentos que têm abalado o país e qualquer um de nós.
Ora vejamos num espaço de duas semanas: homem encontrado morto preso com fios de nylon a uma grade, mulher atropela fatalmente três pessoas, condutor atropela avó e dois netos, um acaba por falecer, trágico acidente na A23 provocando até ao momento 13 mortos e 22 feridos.
Que mundo é este, onde é que nós vivemos, é a isto que chamam vida, nem neste pedacito de terra "à beira mar plantado" estamos a salvo destas horríveis ocorrências cada vez mais frequentes...
De quem será a culpa? Melhor haverá algum culpado?
O mórbido quotidiano só nos dá uma certeza: hoje escrevi estas palavras e amanhã...

domingo, 4 de novembro de 2007

Parabéns Sónia!

Hoje uma das minhas grandes companheiras celebra mais um aniversário, logo é óbvio que não poderia deixar a data passar em branco. Pelos largos anos de amizade e sobretudo pelos muitos que hão-de vir aqui fica um humilde mas sincera lembrança bloguista de mim para ti :P


Ora toma lá, todo teu eheh é só a imagem mas pelo menos a intenção é boa! ;)
P.S:E ve lá se pagas um copo!

terça-feira, 30 de outubro de 2007

Sádica - maiores de 16

Um casal entra num conhecido restaurante de Lisboa e encontra-se com um grupo de amigos, um deles dirige-se ao marido:
- Olá Paulo, como estás?
O marido responde: - Mal, tenho sida. O médico deu-me apenas uns meses de vida.
O amigo despede-se e FICA todo encavacado.
A mulher diz ao marido em voz baixa: - Paulo, não sejas parvo! Como é que dizes às pessoas que tens sida se TU o que realmente tens é cancro nos pulmões?
O marido responde: - Eu morro de qualquer forma, mas a ti ninguém te come.

sexta-feira, 26 de outubro de 2007

Não poderia estar mais de acordo

"Cuida-te quando fazes chorar uma mulher, pois Deus conta as suas lágrimas... A mulher foi feita da costela do homem nao dos pés pra ser pisada, nem da cabeca pra ser superior, mas sim do lado pra ser igual, debaixo do braco pra ser protegida e do lado do coração pra ser... Amada."

Receita mineira


quarta-feira, 24 de outubro de 2007

Estou triste :(

Não passei no exame de condução!
E a carta que me faz tanta falta!
Há mesmo dias maus!

domingo, 21 de outubro de 2007

Patrão nervoso vs Empregado revoltado






Ao Patronato:

Pense sempre duas vezes antes de começar a disparatar com os seus funcionários, é que nunca se sabe quando algum se passa da mioleira e faz algo semelhante! Muito cuidado!

terça-feira, 16 de outubro de 2007

Só assim!

É incrível que é preciso uma m***** de uma manifestação numa visita de sua "excelência" para que a Covilhã seja notícia, mais, que os acontecimentos se continuem a desenrolar!
É assim em Portugal tal como no resto do mundo, dos todos poderosos sabe-se o que têm de bom, de muito bom, de excelente, do que se inventa de bom, fora o que de facto têm de bom, dos coitadinhos dos pequenos e pobres só vem tristezas, catátrofes, tudo mau, muito mau, e também se inventa para parecer ainda pior...Mas será que anda toda a gente com uma venda nos olhos e tampões nos ouvidos?! Ou será que fingem...

domingo, 14 de outubro de 2007

Anjo és

Anjo és tu, que esse poder
Jamais o teve mulher,
Jamais o há-de ter em mim.
Anjo és, que me domina
Teu ser o meu ser sem fim;
Minha razão insolente
Ao teu capricho se inclina,
E minha alma forte, ardente,
Que nenhum jugo respeita,
Covardemente sujeita
Anda humilde a teu poder.
Anjo és tu, não és mulher.
Anjo és.Mas que anjo és tu?
Em tua fronte anuviada
Não vejo a c´roa nevada
Das alvas rosas do céu.
Em teu seio ardente e nu
Não vejo ondear o véu
Com que o sôfrego pudor
Vela os mistérios d`amor.
Teus olhos têm negra a cor,
Cor de noite sem estrela;
A é chama vivaz e é bela,
Mas luz não têm.-Que anjo és tu?
Em nome de quem vieste?
Paz ou guerra me trouxeste
De Jeová ou Belzebu?
Não respondes- e em teus braços
Com frenéticos abraços
Me tens apertado, estreito!...
Isto que me cai no peito
Que foi?...-Lágrimas?-Escaldou-me...
Queima, abrasa, ulcera...Dou-me,
Dou-me a ti, anjo maldito,
Que este ardor que me devora
É já fogo de precito,
Fogo eterno, que em má hora
Trouxeste de lá... De onde?
Em que mistérios se esconde
Teu fatal, estranho ser!
Anjo és tu ou és mulher?

Almeida Garrett

quinta-feira, 11 de outubro de 2007

Estragaram-me o dia!

Então com exame de condução marcado para a semana não é que hoje o meu instrutor me diz que foi adiado sem dizerem nada nem a mim nem a ele!
Esta gente anda a brincar, a gozar com a cara das pessoas. Já tinha pedido os dias de folga no trabalho e agora como é, quem mos vai pagar se não houver possibilidade de troca?!
Dass estou mesmo irritada!
Isto tudo porque houve um aluno do instrutor que ia comigo a exame que chumbou, então o sr. juntou o útil ao agradável e marcou-lhe logo novo exame e claro tinha de excluir alguém, calhou-me a mim!
Ai se o visse agora....

terça-feira, 9 de outubro de 2007

Lara



Ora vejam só o que eu descobri!
eheh

sábado, 6 de outubro de 2007

Sometimes in the Silence...

É incontrolável, esta sensação de vazio invade-me...

quinta-feira, 4 de outubro de 2007

Mãe


Só p´ra ti, adoro-te!

Parabéns!

terça-feira, 2 de outubro de 2007

Aceitam-se contribuições

Um motorista pára no trânsito e alguém bate no vidro do carro.
Receoso, ele baixa um pouco o vidro e pergunta:
- O que é?
O homem diz:
- O Sócrates foi sequestrado e o pedido de resgate é de 50 milhões de euros. Se o resgate não for pago, o sequestrador ameaça regá-lo com gasolina e incendiá-lo. Estamos a receber contribuições. Gostaria de participar?
O homem no carro pergunta: - "Na média, quanto é que cada pessoa tem doado?"
O outro responde: - Entre 5 a 10 litros !

segunda-feira, 1 de outubro de 2007

Morres, entrego-me e NADA!


No C.M :
"Tiago Sousa Dias disparou sobre a própria mulher, levou-a até ao hospital e entregou o revólver à PSP de Belém, Lisboa. À luz da nova Lei Penal, é um homem livre. Basta que se entregue."

Expliquem-me o que se pretende com isto?! Dignificar o ser humano ou deixar impunes assassinos? Salvaguardar os interesses da vítima? Fazer-se justiça? Zelar pelo bem estar e segurança de uma sociedade que se quer igualar aos restantes da Europeia?

De verdade que gostava que alguém menosprezasse este lado negativo que me parece o único nesta reforma.

Desculpem-me, não consigo atingir quais os argumentos por trás destes factos!

sábado, 29 de setembro de 2007

sexta-feira, 28 de setembro de 2007

Aproxima-se o confronto!



Comprem as cervejas, preparem os sofás e o batimento cardíaco, cachecóis a postos e façam-se as apostas!

quinta-feira, 27 de setembro de 2007

Fui!



Então não é que o Santana Lopes deu de frosques a meio de uma entrevista num determinado canal de televisão porque a emissão foi interrompida por um directo especial justificado pela chegada de José Mourinho ao aeroporto!

"A mim não me interrompem com a chegada de um treinador de futebol. Acho que há regras, a SIC tem regras diferentes das minhas. Tenho que ser respeitado". Agência Lusa

terça-feira, 25 de setembro de 2007

segunda-feira, 24 de setembro de 2007

Foi tão mau!


Hoje a viagem diária do trabalhito para casa "cheirou-me tão mal"!

Eu ainda sou daquelas pessoas que se desloca em transportes públicos enquanto a carta de condução vai andando.





Então saio eu do local de trabalho com o estômago já a dar horas há uns longos minutos e ainda ia ter que fazer o percurso para casa de autocarro o que equivale a mais ou menos vinte minutos.




Estava eu já dentro da respectiva viatura "confortavelmente" sentada, tinha acabado de arrancar, quando oiço algo semelhante a "gregggggggóóóóó´rio", olho para trás e aquela imagem ainda agora me da a volta às entranhas. O homem vomitou p´ra cima dele, da pessoa ao lado que por sorte (ou azar) lhe era conhecido, e para o chão.




O facto do autocarro ter ficado uma imundice não foi de facto agradável mas o cheiro era horrível, aquele caminho nunca me pareceu tão desesperadamente longo.




Eh pá tudo bem, coitado do senhor que não teve culpa nenhuma, sentiu-se mal e não havia grande coisa a fazer, mas aquele cheiro...




Imaginem para onde foi o meu apetite depois disto!

sexta-feira, 21 de setembro de 2007

O Cadeirudo

Vou contar-vos a história de uma velhice que se arrasta pela minha rua resmungando e criticando tudo e todos que ousem não prestar atenção às obcenas palavras proferidas.
O senhor deve ter por volta 70 anos e a saúde, coadjuvada pelos inúmeros cafés e colas diários, já teve melhores dias.
Os cigarros acompanham-no na travessia quotidiana composta somente pelo trajecto do café e pelas respectivas paragens.
O percurso que este homem faz é muito simples salvo o facto de ser feito pelo meio de uma estrada nacional auxiliado por uma cadeira de plástico que lhe serve de muleta, e os carros que se desviem.
Quando não anda na estrada o apeadeiro normal é no passeio perto de casa sentado na dita cadeira com as calças arregaçadas (exceptuando as vezes que mostra mais do que se desejaria ver) importunando todo e qualquer transeunte ou condutor que ouse aproximar-se do local.
Poderia dizer que ninguém sabe o que nos espera e até confesso quer me dá pena a situação, afinal também sou humana...No entanto a minha visão fica um tanto ou quanto alterada quando os factos envolvem menores e passo a descrever: baixa as calças, mostra o respectivo traseiro e afirma alto e bem perceptivel "Vós quereis é disto, seus cabrões"...proferido para crianças que moram e brincam nos arredores, e peço desculpa pelo vocabulário.

E nós? O que nos estará reservado?

quinta-feira, 20 de setembro de 2007

...de cu p´ra cima...de cu p´ra baixo.

Ouvi esta teoria há algum tempo entre um grupo de amigos e vejam lá se a "afirmação" não encaixa na perfeição em todos os provérbios:

De grão a grão de cu p´ra cima enche a galinha o papo de cu p´ra baixo.
Em casa de ferreiro de cu p´ra cima espeto de pau de cu p´ra baixo.
Filho és de cu p´ra cima pai serás de cu p´ra baixo.
A união de cu p´ra cima faz a força de cu p´ra baixo.
Apanha-se mais depressa um mentiroso de cu p´ra cima que um coxo de cu p´ra baixo.
Filho de peixe de cu p´ra cima sabe nadar de cu p´ra baixo.

Experimentem com outros!
eheheh

quarta-feira, 19 de setembro de 2007

"Dizculpa!"




“Peço desculpa. Não sou infalível. Todas as pessoas erram e eu tive um momento em que me perdi.”

terça-feira, 18 de setembro de 2007

Para o Novo Código Penal

Com elevada estima e consideração.

Image hosting codes

domingo, 16 de setembro de 2007

Portugal vs Serbia 1-1 = "Socolari"

"Mentira, não lhe toquei!"

Será!


Parabéns Ana!

Por mais cartões de felicitações que possam existir há sem dúvida algo que te define.
Sê feliz. Gosto de ti.







sexta-feira, 14 de setembro de 2007

Jorge Palma - Encosta-te a Mim

Para um bom começo porque não com um excelente cantor, músico, compositor...

Silêncio

Porque às vezes é a melhor opção;
Porque as grandes decisões tomam-se na sua tranquilidade;
Porque é um companheiro que sabe ouvir;
Porque é sinal de respeito;
Porque é belo e porque é imponente;
É universal e complexo;
Porque os verdadeiros companheiros se entendem na sua quietude;
Antecede alegrias e precede tristezas;
Porque um com significado vale mais que mil palavras;
Para mim é quase indissossiável da música;
Porque proporciona reflexão ou desencadeia conflitos;
Porque é humano;
Porque está a meu lado quando encosto a cabeça na almofada;
Porque deve ser quebrado...
Por tudo e por nada apresento-vos o meu Silêncio...